Hoje é o pontapé de saída de Portugal no Euro 2016! Será que é desta? Lembro-me daquele jogo frente aos Estados Unidos, no Mundial da Coreia do sul, em que interrompi a aula de condução para ver Portugal levar três secos, do tal penalty frente à França nos últimos minutos ou do emocionante jogo com a Inglaterra, que vi numa estação de serviço no sertão pernambucano, lamentando estar a milhares de quilómetros de distância de casa. Hoje vou vibrar com uma adepta muito especial, por isso é natural que esteja confiante. Como tal, decidi preparar uns petiscos à altura, que tal como nós vestem a camisola e se enchem das cores da nossa bandeira. Bom, mais ou menos…


As mini-panquecas de beterraba e espinafres foram um desafio nos primeiros cinco minutos e teve que ser o pai Catarré a fazer aquele malabarismo de atirá-las ao ar para lhes dar a volta, enquanto elas me davam a volta a mim…
Ao fim de umas duas ou três panquecas lá atinei com a manobra e, como nem só de papinhas para bebés vive este blogue, a Francisquinha teoricamente terá que esperar uns meses para desfrutar da iguaria, já que ambos os legumes são ricos em nitratos e fitatos e como tal recomenda-se que sejam introduzidos apenas aos 12 meses.
Da teoria à prática: foi impossível deixá-la de fora, já que ela não pode ver-nos comer nada que fica histérica. Lá lhe demos a provar um bocadinho da panqueca de beterraba e o difícil foi distraí-la, para que não passasse mesmo de um bocadinho. Ela simplesmente adorou! Parece que inaugurei o marcador com os petiscos, agora venham os golos a valer!

Bon Appetit

Deixe um comentário