Mingau de aveia, pêra e ameixas secas

Eu chamo-lhe papinha, a maioria de vocês chama-lhe papa e as minhas amigas brasileiras não resistem a este mingau de aveia!
Independentemente do nome que lhe atribuem, a verdade é que esta receita resulta super bem. Tem um sabor muito agradável e uma consistência extremamente cremosa.
Para além disso, as ameixas têm um poder laxante natural, que ajuda a regular os intestinos preguiçosos do bebé.
Deste modo, elas constituem uma alternativa mais segura e natural, aos laxantes, a que muitos papás têm que recorrer, em desespero de causa para amenizar o desconforto dos pequenotes.

Embora sejam doces, elas ajudam a regular os níveis de açúcar no sangue. Mas atenção: não se deve abusar. Afinal uma ameixa seca, embora seja relativamente pequena é o equivalente a comer uma ameixa fresca.

Um dos outros ingredientes da receita, a aveia, assume um papel semelhante ao da ameixa, oferecendo uma combinação poderosa de hidratos de carbono complexos, que asseguram uma libertação de energia gradual, evitando-se assim os indesejados picos de glicemia.

Altamente rica em fibra solúvel e insolúvel, a aveia, em conjunto com a ameixa, constitui a combinação perfeita anti-obstipação, para bebés com uma barriguinha mais em ordem e feliz!

Depois de experimentar este fabuloso mingau, pode sempre testar a papinha de maçã e funcho, com efeitos igualmente interessante na prevenção e melhoria do quadro de obstipação do bebé.

31 Comments

  • Inês diz:

    Boa tarde,
    Está papinha poderá antes ser feita com flocos de aveia?
    Muito obrigada!

  • Sandra Santos diz:

    Olá Inês! Sim, pode usar os flocos de aveia. beiinhos

  • Inês diz:

    Vou tentar fazer esta refeição para o lanchinho do meu pimpolho. Infelizmente foi-lhe detectada uma colite alérgica à proteína do leite de vaca e só aos 9 meses (irá fazer 8 meses no próximo dia 25) irá fazer análises para verificarmos se ele continua com a maldita alergia…as papas sem leite são poucas, como a variedade não é muita, ele já deve andar enjoado de comer sempre a mesma coisa ao lanchinho (detectou iogurte natural de soja mesmo misturado com bolacha e/ou fruta). Ele até nem aprecia coisas muito doces (prefere a sopinha à fruta por exemplo) mas como gosta de pêra irei tentar a minha sorte.
    Tem mais alguma sugestão para lanches?
    Muito muito obrigada!
    Beijinhos

  • Carla Amaral diz:

    Olá,

    adorei esta receita e vou experimentar para a minha menina.
    Posso substituir por ameixa fresca?

    Muito Obrigada e deixe-me dizer que o seu blog é uma inspiração. Gosto muito e a Leonor adora as papinhas 🙂

    Carla Amaral

  • Sandra Santos diz:

    Olá Carla! Obrigada pelo seu comentário tão simpático. Pode perfeitamente substituir as ameixas secas por ameixas frescas. Espero que a Leonor goste! Beijinhos

  • Fabia diz:

    Boa tarde, a minha filha fez os 6 meses ontem, posso dar-lhe já está papinha? Ela tem andado com o intestino preso
    Obrigado

  • Sandra Santos diz:

    Olá fabia! Sim, pode dar-lhe. beijinhos

  • Diana diz:

    Olá Sandra.
    Bem que inspiração, só hoje cheguei ao blog e já guardei imensos “menus”.
    Felizmente tenho um bebé (a quem já devia chamar criança porque já tem 2 anos) que me permite inovar em lanchinhos e pequenos-almoços diferentes e saudáveis.
    Esta receita também pode ser feita com figos secos? Ele não aprecia o fogo seco só assim, mas fica a olhar para mim quando os como, fazendo crer que também gostava de provar, mas não come de maneira nenhuma talvez pela textura diferente.

    Muitos parabéns pelo seu blog que está um máximo.

  • Diana diz:

    Olá bom dia, eu gostaria de saber se as ameixas secas são aquelas que se compram nos hipermercados que já vêm em caixinhas. Tenho sempre ideia de terem muito acúcar muito obrigada e parabéns pelo seu excelente trabalho .

  • Sandra Santos diz:

    Olá Diana! São exactamente essas. Contudo é importante ler o rótulo e certificar-se que na lista de ingredientes só consta a ameixa. Existem algumas que têm sulfitos e xarope de glicose pelo que não são recomendadas. Beijinhos, Sandra

  • Sandra Santos diz:

    Olá Diana! Pode substituir as ameixas secas por figos secos, em igual quantidade. Fica bom na mesma! Também ainda chamo a Francisca de “minha bebé”, apesar dos quase 2 anos de idade… São uns bebezocas mais crescidos! 🙂 beijinhos, Sandra

  • Olá Sandra !
    A minha princesa, vai iniciar a AC em fins de Outubro/inicio de Novembro, e não queria de todo dar-lhe as papas industrializadas! Queria optar assim por papinhas caseiras e os batidos de fruta caseiros! Estas papinhas será que poderia fazer com o leitinho ? É que a quantidade é tanta, que tenho de pensar em “inovar” as receitinhas para ela 🙂

    Um beijinho :-*

  • Cláudia diz:

    Olá. Obrigada pelo seu blog e pelas óptimas receitas.
    Gostaria de saber se tem experiência em fazer a papinha no dia anterior, guardar no frigorifico para o dia seguinte?
    Se sim, depois como a aquece, em banho maria ou no microondas?
    Tenho que mandar uma patinha para a ama da filhota!
    Beijinho

  • Sandra Santos diz:

    Olá Cláudia! O ideal seria aquecer em banho maria mas quando não for possível pode recorrer ao microondas. Beijinhos, Sandra

  • Sandra Santos diz:

    Olá Catarina! Porque não vem conhecer-nos e tirar todas as suas dúvidas no nosso workshop? Aqui fica a informação: https://papinhasdaxica.pt/2017/11/workshopsolidario/ Beijinhos e até breve

  • Tatiana Fernandes diz:

    Olá Sandra! Antes de mais quero dar-lhe os parabéns pelo seu blog, é uma ótima ferramenta para podermos alimentar os nossos babies de uma forma muito mais saudável. Obrigada! 🙂
    O meu bebocas já vai a caminho dos 7 meses e está agora a começar as papas, mas estou a fugir das papas de compra e quero aventurar-me nas papas caseiras; ele já comeu esta e adorou! No entanto, no dia a seguir fica com muitas cólicas e chora muito quando está para fazer cocó. Será da aveia? Eu fiz com floco de aveia e não com o farelo, qual é a diferença entre fazer com um e com outro?
    Adorava poder ir ao seu workshop no sábado, mas estou a viver na Holanda e só vamos a Portugal na altura do Natal. 🙁
    Obrigada e um grande beijinho 😉

  • Tânia Marques diz:

    Olá!! Desde já parabéns pelo blog
    O meu bebé tem 5 meses e como está a LA, iniciou a diversificação alimentar aos 4 meses por indicação do pediatra! Já faz uma refeição de sopa e fruta e outra de papa! Tento evitar boiões de fruta e papa pré feita… Como ele é muito obstipado, uso bastante a aveia sem glúten e o trigo sarraceno nas papinhas… e como fruta tenho usado essencialmente maçã, pêra, banana e papaia. É o correto? Ele com 5 meses, já posso introduzir a ameixa e o alperce seco? Na confeção da papa, é recomendável usar água ou leite na preparação?
    Desde já abrigada!
    Um beijinho

  • Sandra Santos diz:

    Boa tarde Tânia! Para melhor esclarecer todas as suas dúvidas aconselho-a a marcar uma consulta: https://papinhasdaxica.pt/consultas-online/ Beijinhos, Sandra

  • Sandra Santos diz:

    Olá Tatiana! Entretanto já passou algum tempo desde o seu comentário. Esta situação voltou a verificar-se? Beijinhos, Sandra

  • Rita diz:

    Olá Sandra! Posso substituir o farelo de aveia por flocos de quinoa para bebé de 8 meses? Obrigada e beijinho

  • Sandra Santos diz:

    Olá Rita! Pode sim, sem qualquer problema. beijinhos

  • Filipa diz:

    O meu bebocas já está com 7 meses e está agora a começar as papas, mas estou a fugir das papas de compra e quero aventurar-me nas papas caseiras; ele já comeu esta e adorou! No entanto, no dia a seguir fica com muitas cólicas e chora muito quando está para fazer cocó. Será da aveia? Eu fiz com floco de aveia e não com o farelo, qual é a diferença entre fazer com um e com outro?
    E nas sopas/purés? quais seriam os legumes mais recomendados para o intestino preso?
    Beijinhos e obrigada pelo blog

  • Margarida Pessoa diz:

    Boa noite Sandra,

    Tenho uma bebé de 6 meses que iniciou a AC há uma semana e meia. Tenho seguido o BLW, mas as avós não se sentem à vontade com o método e vão dar papinhas e sopas. Adoro o blog e tenho vontade de experimentar uma data de receitas
    Quanto a esta já vi nos comentários que se pode substituir o farelo por flocos de aveia, queria saber quanto tempo se devem demolhar!
    Outra questão é se estas papas com cereais e frutas podem ser feitas de véspera e aquecidas no dia seguinte? Tenho receio que a fruta oxide.

    Muito obrigada e beijinhos

  • Sandra Santos diz:

    Olá Margarida! Aconselho a demolhar os flocos durante cerca de 30 minutos. Pode fazer a papinha na véspera e adicionar a fruta fresca imediatamente antes de servir. Beijinhos e boas papinhas 🙂

  • Sandra Santos diz:

    Olá Filipa! A obstipação é um quadro muito frequente entre bebés. Em todo o caso, para melhor avaliar a situação sugiro que marque um consulta: https://papinhasdaxica.pt/consultas/
    Beijinhos, Sandra

  • Adriano diz:

    Boa tarde Sandra! O nosso filhote está a caminho dos 8 meses. É um pouco difícil no que se refere à alimentação mas estamos sempre a tentar introduzir alimentos e receitas novas. Cá em casa ficamos com uma dúvida: como a aveia, independentemente de se tratar do farelo ou de flocos, tem uma quantidade de fibra muito superior às papas industrializadas, não há problema em termos de absorção de vitaminas p. ex? O farelo é colocado simplesmente em água e confeccionado ou há algum procedimento prévio? Já agora, quando acha que se pode introduzir o queijo fresco? depois dos 12 meses? Obrigada e continuação de um ótimo trabalho neste blog tão inspirador.

  • Sandra Santos diz:

    Olá! O farelo já sofreu um processamento industrial até chegar a essa forma de consumo, daí não precisar de nenhum processamento caseiro, para além da cozedura. O queijo fresco pode ser introduzido a partir dos 9 meses. Beijinhos, Sandra

  • Andreia diz:

    Muitos parabéns desde já pelo blog e pelo livro. O meu bebé tem 7 meses e deixe-me dizer-lhe que mal chegámos a Portugal fui comprar o seu livro. Adoramos as receitas, eu também rapo os pratos todos 🙂 ando com uma dúvida em relação ao uso de frutos secos como ameixas, alperces. Quando triturados não constituem um risco de engasgo para o bebé? Como são um bocadinho espessos e parece que se cola ao céu da boca. Tenho muita vontade de experimentar mas algum medo ao mesmo tempo. Tritura-los faz mesmo a diferença? Obrigada desde já 🙂

  • Sandra Santos diz:

    Olá Andreia! Desculpe mas não percebi a sua questão. Os frutos secos inteiros sim, constituem um risco mas quando triturados na papa, desde que bem triturados ficam em pasta… Acho que se experimentar vai perceber que a sua questão não faz sentido. Beijinhos, Sandra

  • Andreia Fernandes diz:

    Olá,

    Ameixas secas com presença de sorbato de potássio. Há problema para o bebé?
    Obg,

    Andreia

  • Sandra Santos diz:

    Olá Andreia! Não recomendo. Prefiro ameixas sem aditivos e secas ao sol. Beijinhos, Sandra

Deixe um comentário