O vermelho intenso desta papinha de beterraba, camada sobre camada, vai por si só deixá-la feliz! Esta é talvez a papinha para bebé mais bonita até ao momento. Tudo graças à beterraba.
A beterraba contém a betacianina, um pigmento antioxidante responsável pela sua cor única e vibrante.
A betaína, é a betacianina mais comum no reino vegetal e ajuda a proteger o DNA de danos provocados pelo stress oxidativo. Há ainda alguns estudos que sugerem que poderá ter actividade anti-inflamatória, anti-carcinogénica, entre muitos outros efeitos interessantes, que fazem dela um alimento a ter em conta na alimentação de miúdos e graúdos.
Pode ser consumida crua, cozida, assada, fria ou quente, sendo por isso muito versátil.
Quanto a mim a combinação com a maçã é extremamente agradável, quer em papinhas, quer em saladas e a maçã acaba por atenuar o sabor mais intenso da beterraba.
Agora cá entre nós: esta não é a melhor papinha para deixar o seu bebé provar que está crescidote e já se safa a comer sozinho. Não vai querer que no final a sua casa pareça o palco de um verdadeiro massacre, pois não?
Depois desta, acho vou mesmo ter que trocar de sofá… 😉

  1. DNA damage and apoptosis in blood neutrophils of inflammatory bowel disease patients and in Caco-2 cells in vitro exposed to betanin.
  2. Beetroot betalain inhibits peroxynitrite-mediated tyrosine nitration and DNA strand cleavage.
  3. Betanin–a food colorant with biological activity.

 

5 Comments

Deixe um comentário