Papinha de milho e pera

Esta papinha de milho e pera constitui uma excelente opção para as primeiras refeições do bebé.
Durante os seis meses que vivi em São Tomé, fuba, que é como quem diz farinha de milho, fazia parte das minhas conversas diárias com as mamãs sobre diversificação alimentar.

Invariavelmente, a farinha de milho (ou fuba) é, tradicionalmente, um dos ingredientes principais das primeiras papinhas do bebé, em vários países à volta do globo, já que o milho é uma boa fonte de hidratos de carbono complexos, vitaminas e minerais e um cereal com diversas aplicações na culinária, podendo ser usado sob a forma de farinha, sêmola ou grão.

Ultimamente, o consumo de milho tem sido alvo de grande polémica e controvérsia já que, para melhorar a produção deste cereal, grande parte das espécies cultivadas são geneticamente modificadas. Considere, por isso, comprar milho de produção biológica.

 

Antes de servir, ajuste a consistência da papa com um pouco de leite do bebé. Deste modo estará também a enriquecer a refeição, do ponto de vista nutricional.

Depois de adicionar o leite não volte a ferver ou reaquecer a papa, nem guarde o que sobrar, por isso adicione só o leite à porção que o bebé vai consumir.

45 Comments

  • Joana diz:

    Ola sandra
    Adoro o blog, tem receitas super interessantes, obrigada pela partilha.
    Esta receita serve para apenas uma papa ou para mais?
    Se fizer a papa de milho em separado, 180/200ml para 4 colheres sopa de farinha de.milho e depois juntar o preparado á fruta, quanto devo colocar do preparado em relacao a fruta?
    Desde ja obrigada

  • Sandra Santos diz:

    Olá Joana! A dose depende sempre muito de cada bebé mas por norma 180-200ml correspondem a uma porção/refeição. Beijinhos, Sandra

  • Sandra Santos diz:

    Exactamente! Se encontrar, prefira farinha de produção biológica. Beijinhos

  • marta diz:

    Olá Sandra,
    E colocar o leite materno no final da papa e enviar para a escola num termo é viável ou não podemos manter o leite materno quente durante tanto tempo?
    Obrigada

  • Liliana diz:

    Boa noite Sandra… Estou tentada a experimentar as papas caseiras. A minha bebé tem 6 meses. Quanto à farinha de milho biológica esta aqui é boa? https://www.continente.pt/stores/continente/pt-pt/public/Pages/ProductDetail.aspx?ProductId=6090373(eCsf_RetekProductCatalog_MegastoreContinenteOnline_Continente)&refiner=%23%2F%3Fpl%3D80%26page%3D6

    Obrigada

  • Sandra Santos diz:

    Olá Liliana! Sim, parece-me uma boa opção. beijinhos

  • Sandra Santos diz:

    Olá Marta! Eu não aconselho muito… O ideal seria pedir na creche para juntarem o leite materno no momento antes de servirem a papinha. Beijinhos, Sandra

  • Célia diz:

    Olá Sandra, pergunta idiota , mas não tendo leite materno, faço o leite adaptado da mesma forma como para biberon ou mais forte? Ou seja normal 30ml para uma colher, ou menos água para a mesma quantidade de leite?

  • Sandra Santos diz:

    Olá Célia! Aqui fica a resposta à sua questão. Artigo fresquinho, acabado de publicar: https://papinhasdaxica.pt/2018/04/papas-caseiras-leite-materno-formula/ 🙂
    Beijinhos, Sandra

  • Ana Lucas diz:

    Olá, boa tarde.
    Uma questão.. sémola de milho pode ser utilizada no lugar da farinha de milho? É igual? :/
    Obrigada

  • Sandra Santos diz:

    Olá Ana! Sim, pode usar sêmola de milho, sem qualquer problema. Atenção ao tempo de cozedura: pode demorar mais uns minutos a ficar no ponto. Para perceber se está cozida basta provar. Beijinhos, Sandra

  • Rafaela Soares diz:

    Olá Sandra!
    Desde já muitos parabéns pelo blog e pelo livro! São inspiradores para quem quer dar aos seus bebecas uma alimentação cuidada e nutricionalmente rica!
    Gostaria da sua opinião quanto ao meu “problema”… a minha menina come muito bem a sopa e quando chega a hora da fruta faz caretas e cospe fora.
    Já tentei várias consistências, diferentes temperaturas e contra minha ideologia, os boiões de fruta industrializada e nada!
    A pediatra sugeriu juntar a fruta à sopa, mas eu não concordo porque ela está a treinar o paladar e assim nunca conhecerá o paladar da fruta. E achei que fazer estas papinhas com fruta podia ajudar. O que acha?
    Muito obrigada e muitos parabéns mais uma vez!

  • Maria Fernanda Varela Ferreira diz:

    Olá. Parabéns desde já pelo blog. Estou a experimentar esta receita, a 1ª 😉 a papinha ficou em ponto em 5 minutos de cozedura.. acha que devo cozer mais?

  • Andreia Pinheiro diz:

    Boa noite , adorei as suas papas e irei fazer amanhã. Mas tenho uma dúvida na quantidade de leite adaptado que irei por. Eu li a página que falava sobre isso mas ficou a dúvida.
    Faço a papa e se ela ficar muito espessa coloco só o leite(pó) ou faço da mesma normal água e pó?
    Obrigada desde já

  • Sandra Santos diz:

    Olá Andreia! Não percebi a sua dúvida mas a ideia é fazer a papa com água e farinha. No final, quando pronta junta a fórmula (pó). Se usou por exemplo 150mL de água, pode juntar ATÉ 5 colheres medida de fórmula (1 colher medida por cada 30mL). Fiz-me entender? Beijinhos, Sandra

  • Sandra Santos diz:

    Olá Maria! Não, se sentiu que ficou pronta antes não há necessidade de deixar cozer mais. Beijinhos, Sandra

  • Sandra Santos diz:

    Olá Rafaela! Por vezes são necessárias mais de 11 tentativas até um bebé/criança aceitar determinado alimento. Posto isto, recomendo sempre uma aposta na variedade mas sem esquecer a repetição da exposição à mesma fruta. Hoje não aceita mas daqui a uns dias pode aceitar (sem forçar). Lá diz o ditado: “água mole em pedra dura…” Muita paciência e boa sorte! Sandra

  • Raquel diz:

    Olá Sandra ! Adorei a sua página ! Muitos parabéns . Mas como mãe de primeira viagem e a iniciar me neste mundo das papas surgiram dúvidas ! Quando diz que em 150ml de água posso juntar até 5 colheres de leite adaptado isso quer dizer que não é obrigatório ser as 5!? Ou em 150ml tenho mesmo que colocar as 5?? Se for leite materno que quantidade aconselha ? Beijinhos

  • Sandra Santos diz:

    Olá Raquel! Exacto, se usar 150 mL de água pode juntar até 5 colheres medida de fórmula no final da confecção da papinha. Ainda no caso da fórmula, deve ter atenção ao volume total diário de leite consumido pelo bebé. No caso de fazer a papa com leite materno, saiba que não consegue adicionar muita quantidade de leite à papa. A ideia ainda assim é fazer uma papa muito grossa e depois ajustar a consistência com 1 a 2 colheres de sopa. No caso de o bebé estar a livre demanda não há qualquer problema porque ele próprio auto-regula as suas necessidades de leite materno, pedindo mais ou menos vezes a maminha. Beijinhos, Sandra

  • Daniela Cunha diz:

    Ola Sandra parabéns pelo blog uma grande ajuda com certeza esta papa pode ser dada um bebé de 5 meses?
    Desde ja agradeço

  • Sandra Santos diz:

    Olá Daniela! Pode sim. Beijinhos, Sandra

  • Ceselina diz:

    Ola Sandra! Parabéns pelo seu blog, sou de São Tomé e fiquei feliz por saber que estiveste por cá. A minha bebé já tem 8 meses e dizem-me sempre para dar papinha de fuba e estava meio na dúvida de como preparar,obrigada pela receita acredito que ela irá amar. Beijinhos

  • Sandra Santos diz:

    Saudades!!!! Tenho que levar a Francisca a São Tomé: fui muito feliz aí e adoro esse país. Pode fazer fuba também com banana, manga, papaia… A ideia é ir variando. Muito beijinhos, Sandra

  • Cátia Correia diz:

    Olá Sandra! Vou começar a dar papa ao meu filho (5 meses 1/2) e quero experimentar as receitas do blog. A minha dúvida é se posso guardar a papa no frigorífico e quanto tempo aguentam (sem leite). Também posso congelar? Com ou sem a fruta? Além da maçã, pera e banana que frutas pode um bebé de 6 meses comer? Muito obrigada desde já!!

  • Sandra Santos diz:

    Olá Cátia! Sim, pode guardar no frigorífico durante cerca de 48h e também pode congelar durante cerca de 1 mês, idealmente sem a fruta adicionada. beijinhos, Sandra

  • Aldina diz:

    Fiz ontem! E a minha filha gostou bastante! Fiz mais liquida e depois juntei um bocadinho de formula (em pó) e ficou boa. Depois de lhe dar a papinha, ainda lhe ofereci a maminha. Penso que fica bem do ponto de vista do leitinho. Ela tem 5 meses e meio.
    Obrigada, Vou fazer regularmente.

  • Elisabeth diz:

    Ola sandra, adoro o seu blog ,e ja pedi para o dia da mãe o seu livro . A minha questão é nós por aqui utilizamos a bimby , o lume brando seria que temperatura?? Obrigada beijinhos

  • Sónia Barbosa diz:

    Olá Sandra. Muito parabéns pelo blog e muito obrigada por toda a ajuda!
    A minha dúvida relaciona-se com o armazenamento da papa. Esta pode ser guardada no frigorífico já com o leite (em pó) adicionado? Ou devemos adicionar o leite apenas antes de ser consumida? Qual a melhor forma para aquecer a papa?
    Desde já, muito obrigada. Beijinhos

  • Sandra Santos diz:

    Olá Sónia! Só deve adicionar o leite na altura em que vai consumir a papa. Beijinhos, Sandra

  • Sandra Santos diz:

    Olá Elisabeth! Eu não uso a Bimby por isso não lhe sei responder mas é uma questão de testar. Beijinhos, Sandra

  • Sandra Santos diz:

    Olá Aldina! Acho que ficou ótima. 😉
    Beijinhos,
    Sandra

  • Joana diz:

    Boa noite. Tenho fubá, mas na embalagem diz 100% farinha de mandioca. É a mesma coisa? Obrigada. Beijinhos

  • Sandra Santos diz:

    Olá Joana!
    Nesta papinha usei farinha de milho e não farinha de mandioca. Beijinhos, Sandra

  • Raquel diz:

    Ola Sandra, possa dar está papa como lanche, certo? O meu filho está a comer sopa de vegetais e fruta ao almoço e ao jantar.
    Obrigada.

  • Marisa diz:

    Olá Sandra, a papa pode ser dada fria ou normalmente aquecemos sempre ? Se sim, podemos aquecer no microondas? Obrigada e beijinhos

  • Sandra Santos diz:

    Olá Marisa,
    Na minha opinião a papa fica melhor morna e recomendo sempre que aqueça no fogão para que esta readquira uma consistência mais uniforme.
    Beijinhos,
    Sandra

  • Sandra Santos diz:

    Olá Raquel,
    Sim, é essa a ideia. Beijinhos

  • Susana Martins diz:

    Olá Sandra gostei muito do blog! Parabéns! O meu bebé tem 4 meses e meio. Por indicaçao da pediatra começou à 2 semanas com o creme de legumes, na semana seguinte introduzi a fruta ao fim da sopa, como sobremesa e esta semana era para introduzir as papinhas ao lanche! Só que tentei dar das de compra (nutriben primeira papa lactea de milho e arroz, e depois a da bledina de arroz nao lactea) e detestou ambas, até lhe vinham os vomitos, nao insisti. Hoje experimentei a papa de milho e pera e comeu sem caretas! Deu mais ou menos 200 ml mas só dei metade para experimentar (100 ml de papa com 3 colheres de leite em pó). Amanha dou a outra metade. Estou muito contente! Além de serem saudaveis ele gosta. Depois vou experimentar a de maça e arroz. Obrigada pela ajuda.

  • Sandra Santos diz:

    Olá Susana! Fico muito contente. As papinhas caseiras para além de mais nutritivas são mais saborosas e a maioria dos bebés acaba por preferi-las em detrimento das papas industrializadas. 😉
    Beijinhos,
    Sandra

  • Carla Cruzinha diz:

    Olá!!! Experimentei na bimby a 90° vel 4 e ficou muito boa!! Obrigada Sandra e parabéns pelo blog!!!

  • Sandra Santos diz:

    Olá Carla! Obrigada também pela dica. beijinhos, Sandra

  • Alda Cristina da Costa Marcelo diz:

    Olá,
    Venho pedir uma dica. Se fizer a papa à noite para levar para a escola, será que fica boa se juntar o leite na hora de comer, no dia seguinte?

  • Sandra Santos diz:

    Olá Alda! Sim, fica boa e nutritiva. Beijinhos, Sandra

Deixe um comentário