Canjinha de letras com frango e cogumelos

A canja faz parte do imaginário da maior parte de nós! É quase sempre aquele alimento conforto para quando nos sentimos doentes e abatidos. Lembra a casa da avó, da mãe e todo o seu colinho e calor.
Não sei se acontece o mesmo convosco mas eu gosto de comer um belo prato de canjinha, especialmente no inverno, nos dias mais chuvosos porque me traz sempre algum aconchego.
A comida tem mesmo destas coisas, quando nos cai no goto (no sentido literal e metafórico), parece que nos enche a alma. 🙂

Esta canjinha é excelente já que convém não esquecer que, por volta dos 8 meses,  a textura das preparações deve ser progressivamente menos homogénea e as pequenas letrinhas ou estrelinhas, usadas nesta canjinha para bebé, são peças chave para estimular a mastigação do bebé.

As massinhas, nesta fase da diversificação alimentar, devem ser cozidas preferencialmente com legumes e foi por esta razão que decidi acrescentar cogumelos à versão tradicional de canja.

Os cogumelos não costumam ser vistos como boas fontes de nutrientes, no entanto, são razoáveis fornecedores de vitaminas do complexo B, cobre e outros minerais, com a vantagem de serem muito pouco calóricos. Para além disso, pela sua textura não se distinguem bem do frango. Por essa razão aqui fica a dica para famílias vegetarianas: podem eliminar o frango desta receita e ainda assim percepcionar esta iguaria como se de uma bela canja da avó se tratasse.

Tendo em conta que os próximos dias vão continuar cinzentos, aqui partilho esta receita de canjinha para bebé que vai fazer as delícias dos mais crescidos também.

4 Comments

Deixe um comentário