30-08-15; Francisca chega, sem precisar de dizer cheguei.
Francisca vem cheia de si, em jeito de festa e com ar de asneira.
Francisca, debaixo dos caracóis roubou do Caetano muitas histórias para contar.
Francisca gosta de inventar nomes. Da coelha Islânia Colorida ao dinossauro Bryaice. Francisca gosta de vestidos e brincos de mola, gosta do cabelo solto e de viver à solta. Francisca gosta de pepinos e cenouras tanto como de gomas e chocolate. Francisca é a minha doce companheira de aventuras. Francisca que adora mergulhos e detesta caminhar. Francisca que segue voando. O meu unicórnio, de arco-íris no sorriso. Eu é que sou sagitário mas tu és a flecha há 4 anos largada no meu coração. Hoje é o dia da Francisca!

Deixe um comentário