Os fabulosos poderes dos espinafres ficaram sobejamente conhecidos quando o Popeye – the sailor man – obtinha a sua força, arrebatando a sua Olívia Palito, recorrendo à sua latinha mágica.
Nunca nenhum hortícola foi alvo de uma tão avassaladora campanha de marketing quanto a que envolveu os espinafres e o famoso marinheiro.
Os inesquecíveis desenhos animados e as aventuras e desventuras do marinheiro fizeram disparar o seu consumo em mais de 30% nos EUA e  conseguiram mesmo colocar este alimento no pódio, entre os três alimentos mais populares, entre as crianças americanas. Os espinafres arrebataram uma simpática medalha de bronze e apenas foram superados pelo perú e gelados.
Mais Popeyes e outras personagens míticas houvessem e comer legumes e hortícolas seria uma alegria!
Enquanto tal não acontece, lembrei-me que esta receitinha de muffins doces de espinafres poderia agradar aos chamados “picky eaters”, especialmente aos que fogem de verdes como o diabo foge da cruz. 🙂
Os muffins de espinafres são uma excelente opção para um lanche diferente e muito saudável já que levam uma quantidade mínima de mel.
Também não esperem que sejam extremamente doces mas vão ver que se comem super bem e têm um sabor muito, muito agradável.
Cá em casa fizeram sucesso mas isso também já não é novidade, certo? 😉

7 Comments

  • Joana diz:

    Obrigada pela partilha! Sabe onde posso encontrar formas de silicone sem produtos tóxicos? Obrigada!!!

  • Eunice diz:

    Olá,
    Descubri o seu blog está semana e já fiz 3 receitas e o meu bebe adorou.
    Ele tem 9 meses mas esta receita agradou-me, será que dá para adaptar para os 9 meses? Quis os ingredientes que não devem ser ingeridos aos 9 que estão nesta receita?
    Obrigada

  • Sandra Santos diz:

    Olá Eunice, já introduziu o ovo? Se sim, não vejo qualquer problema em fazer os muffins.
    Note apenas que as atuais recomendações dizem que os espinafres pelo seu elevado teor em nitratos e nitritos, só devem ser introduzidos por volta dos 12 meses do bebé. Contudo, um estudo recente, efectuado com amostras de espinafres e outros vegetais portugueses, não revelou esta tendência. Sendo, por isso, possível que não haja razão para atrasar a sua introdução até ao primeiro ano de vida.
    beijinhos, Sandra

  • Ana diz:

    Ola! Sera que posso usar farinha normal em vez de farinha de espelta? obrigada!

  • Posso substituir a manteiga por oleo de coco ou azeite?
    Obrigada

  • Sandra Santos diz:

    Olá Carla! Pode experimentar substituir a manteiga mas, como nesta receita em particular nunca o fiz, não sei como resultará. Beijinhos, Sandra

  • Sandra Santos diz:

    Claro Ana, sem qualquer problema! Beijinhos, Sandra

Deixe um comentário