Muitas mamãs perguntam-me como podem enriquecer as suas papas caseiras com leite materno ou fórmula. É super simples! Mas vamos lá explicar tudo direitinho:

Nas papas industrializadas é comum ouvirmos a designação de papas lácteas ou não lácteas. Tal acontece atendendo à presença ou ausência de fórmula na sua composição, também conhecida como leite adaptado. As papas lácteas pelo facto de já possuírem leite na sua composição têm obrigatoriamente de ser preparadas com água. Já as papas não lácteas podem ser confecionadas com leite (materno ou fórmula) ou água, podendo, ainda, optar por adicionar-lhes outros ingredientes, tais como fruta, legumes, iogurte, entre outros.
Nas papas caseiras impera a mesma lógica das papas industrializadas não lácteas, uma vez que na sua composição só contêm o cereal, sob a forma de grão, flocos ou farinha.
Posto isto, pode cozinhar a farinha apenas em água ou enriquecê-la juntando um pouco de leite do bebé.
Ambos os leites, materno ou fórmula, contêm organismos vivos que não suportam temperaturas superiores a 37-40ºC, e, por isso, não aconselho a cozinhar o cereal diretamente no leite.
O cereal deve ser cozinhado em água e o leite do bebé deve ser acrescentado no final do processo de cozedura.
No caso do leite materno, o ideal é diminuir a quantidade de água da receita original, fazendo uma papinha mais grossa e, posteriormente, ajustar a consistência adicionando leite materno.
Eventualmente irá adicionar uma pequena quantidade mas, se continuar a oferecer leite materno ao bebé em livre demanda, tal não constitui qualquer problema, uma vez que ele próprio fará o ajuste das suas necessidades energéticas pedindo mais ou menos mama.
No caso da fórmula, também conhecida como leite adaptado, o ideal é, igualmente, adicionar o pó no fim da cozedura.
A quantidade de fórmula a adicionar deve respeitar as indicações da embalagem, isto é, o número de colheres medida nunca deve exceder a proporção de água que é referenciada pelo produto.
Não se esqueça que, depois de adicionar o leite, não deve voltar a ferver ou reaquecer a papa, nem deverá guardar o que sobrar. Ficámos entendidas?

 

30 Comments

  • Ana diz:

    Ola 🙂 Obg pelo seu blog. Comei a fazer farinha de arroz com maça, mas o bebe vêm lhe os vomitos, hoje comprei de milho e quinoa, podemos acrescentar qualquer fruta?o bebe tem 6 meses e queria muito fazer apenas as papas caseiras. Obg

  • NS diz:

    Olá Sandra, parabéns pelo blog. Gosto muito das suas receitas.
    Tenho um bebé com 6,5m que começou as sopas e fruta aos 6m. É amamentado em LD e eu tenho algum LM congelado. Estou a pensar introduzir o glúten através das papas caseiras. Mas tenho algumas dúvidas.
    Como faço para juntar o LM congelado às pápas? Descongelo no frigorífico no dia anterior e depois junto à pápas certo?
    Quanto ao glúten, posso introduzir só através das pápas, escolhendo flocos com glúten e dar pápa 2x por semana? É suficiente?
    Ele para já ainda come pouco e não aceita bem os púres de fruta sequer…
    Obrigada

  • Sandra Santos diz:

    Olá! Sim, pode descongelar o LM e juntar às papas. Não precisa de descongelar na véspera, uma vez que descongela bastante rápido. Quanto ao glúten, pode oferecer cereais como o trigo, centeio, cevada ou aveia. Beijinhos, Sandra

  • Sandra Santos diz:

    Olá Ana! Pode fazer as combinações de cereais e frutas que quiser e ir testando a aceitação do seu bebé a cada uma delas. Beijinhos, Sandra

  • Tânia diz:

    Olá Sandra

    Tendo em conta que: “Ambos os leites, materno ou fórmula, contêm organismos vivos que não suportam temperaturas superiores a 37-40ºC” posso concluir que é errado preparar leite adaptado com água acabada de ferver? Agora fiquei a pensar Muito obrigada. Beijinhos, Tânia

  • Sandra Santos diz:

    Olá Tânia! Sim, deve deixar arrefecer ligeiramente, até porque se oferecer água/leite a ferver ao bebé, também há maior probabilidade de ele se queimar… Beijinhos, Sandra

  • SARA diz:

    Olá. Que quantidade de leite adaptado devemos juntar a estas papas? Para um bebe com quase 7 meses. Ele bebe biberon com 210ml. Devo preparar o leite cá fora e juntar ao cereal cozinhado Certo? Obrigada

  • Sandra Santos diz:

    Olá Sara! No final deve juntar o pó à papa. Se usou 150mL de água para fazer a papa, em princípio tem cerca de 5 colheres medida para juntar no final. Normalmente é uma colher medida por cada 30mL de água mas confira na embalagem do leite do seu bebé. Beijinhos, Sandra

  • Sandra diz:

    Juntar o pó à papa? não temos que prepara o leite previamente e juntar a papa até obter a textura que pretendemos?

  • Mônica diz:

    Olá! Iniciei agora a incursão ao mundo das papas caseiras e estou adorar! Mas tenho uma dúvida! Se juntar 150ml de água por exemplo fazer papa de arroz tenho de colocar 5 colheres de leite em pó? Mas se a água evapora? Já não vai ter essa quantidade de água? Certo? Se faço o leite à parte e juntar, o mais certo é usar menos leite em pó pk se não a papa fica muito líquida! Então o meu filho vai beber menos leite por dia!!

  • Filipa diz:

    Olá! Devemos então cozer a farinha com água e só no final e depois de estar morna é que colocamos o pó do LA? Somente o pó? Muito obrigada e parabéns pelo blog!

  • Sandra Santos diz:

    Exactamente Filipa! Juntar somente o pó. Beijinhos, Sandra

  • Sandra Santos diz:

    Olá Mónica! Se respeitar os mecanismos de fome e saciedade do seu bebé, ele vai ser capaz de auto-regular a sua ingestão diária, pedindo mais ou menos leite. Imagine que almoça só uma salada (menos calorias), vai ter fome para lanchar mais cedo, certo? A lógica é a mesma. Beijinhos, Sandra

  • Sandra Santos diz:

    Olá Sandra! No caso de ser fórmula: faz a papa com água, ou seja coze a farinha em água e junta o pó (leite/fórmula) à papa no final, já fora do lume. No caso de leite materno: faz a papa com água, ou seja coze a farinha em água mas reduz ligeiramente a quantidade de água para que a papa fique mais grossa e no final, também já fora do lume, junta o leite materno até obter a textura desejada. Beijinhos, Sandra

  • Raquel Brito diz:

    Ola Sandra, acabei de fazer a papa (com 200ml de água + 4 colheres de sobremesa de farinha de milho + 1 pera e meia rapada) mas ela ficou bastante consistente. Se agora antes de servir, for acrescentar 6 colheres de pó NAN, ela vai ficar demasiado grossa.

    Inicialmente tinha entendido que fazia o leite artificial com água e pó à parte e ia acrescentando (-antes de servir) até ficar pure.

    Como faço?
    Muito obrigada
    Raquel

  • Sandra Santos diz:

    Olá Raquel! Se a papa ficou muito consistente adicione água para ajustar a consistência e em seguida adicione o leite em pó. Beijinhos, Sandra

  • Hélia diz:

    Olá! Adoro as suas receitas e a minha pequena Leonor também! Começámos há pouco a aventura das papas e estou a confecioná-las com farinhas biológicas, para começar, e depois penso passar para os flocos e o cereal cozido. Quando fiz a papa ficou ótima e ela adorou a textura e o sabor. Acontece que fiz mais quantidade para levar para a creche e deixei no frigorífico. Só que passou a líquida… Imagino que seja da fruta, pois adicionei pêra. Há algum truque para não ficarem líquidas? Obrigada!

  • Margarida diz:

    Olá. Devemos aquecer o leite materno antes de adicionar à papa? Ou se a papa for acabada de fazer e estiver ainda quente/morna posso juntar o leite frio (que está no frigorifico ou foi descongelado)? Ou vice-versa, se a papa estiver fria (por exemplo levando para a creche) adiciono o leite materno aquecido e é suficiente para a papa ficar no ponto? Já agora, faz ou não mal aquecer no microondas as sopas e papas (o LM sei que não se deve)? Obrigada, beijinhos

  • Sandra Santos diz:

    Olá Hélia! Depois se voltar a aquecer no fogão e mexer para ficar uniforme, em princípio readquire a textura inicial.
    Beijinhos,
    Sandra

  • Sandra Santos diz:

    Olá Margarida!
    Deixo-lhe dois artigos que poderão ser úteis para responder à sua questão:
    https://papinhasdaxica.pt/2019/09/como-conservar-papas-caseiras/
    https://papinhasdaxica.pt/2018/04/papas-caseiras-leite-materno-formula/
    Beijinhos,
    Sandra

  • Sofia Costa diz:

    Ola! Tenho absorvido tanta info no seu blog que estou a amar. Completamente rendida as papas caseiras. O meu bebe tem ainda 4 meses e ja falamos com a pediatra que quando iniciar AC sera primeiramente a sopa.
    No entanto tenho ja andado a “estudar” estas papas. A minha questao prende se apenas com o facto da adiçao de LA à papa
    Nao percebi muito bem se adicionamos o po ou o leite ja preparado. Imaginando que faremos a papa com 180ml de agua, devo adicionar 6 medidas de po? Mesmo que posso ter evaporado agua na cozedura? Garantimos a correta diluicao? Ou devemos preparar o oeite, tipo 90ml para adicionar ja feito e assim trabalhar a consistencia da papa?
    Desde ja obrigada pelo seu blog e pela atençao as seguidoras.

  • Nicole Marché diz:

    Olá. Fiz uma papa caseira, segui a seguinte receita : 180 ml de água e 4 colheres de sopa de farinha de aveia. Depois juntei uma dose de fruta previamente cozida que descongelei para a papa, cerca de 100g de maçã /pêra. Ficou bastante consistente e até dava quase para 2 doses de papa. A bebé, que faz 8 meses no domingo, por norma come 130 ml de papa Holle feita com leite materno. Juntei essa quantidade de leite materno à papa caseira mas ficou demasiado líquida, obviamente. Se eu reduzir para metade a quantidade de água, mantendo as mesmas colheres de sopa de farinha. Depois no fim junto 90 ml de leite materno e deveria ser suficiente, ou a proporção de água / leite materno é mais de metade da água do que de leite materno? Obrigada. Nicole

  • Sandra Santos diz:

    Olá Sofia! Se fizer 180mL de papa com água, pode adicionar ATÉ 6 colheres medida de fórmula (pode ser menos mas nunca mais). Beijinhos, Sandra

  • Sandra Santos diz:

    Olá Nicole! Sim, pode reduzir a quantidade de água, mantendo as mesmas colheres de sopa de farinha. Depois, com o leite materno ajusta a consistência da papa até ficar sob a forma de puré. Se o bebé estiver em livre demanda, a quantidade de leite materno na papa é irrelevante. Ele próprio irá fazer o ajuste do consumo de leite diário, pedindo mama mais cedo ou mais tarde, mediante a sua fome ou saciedade. Beijinhos, Sandra

  • Rita diz:

    Olá!
    Sei que já é um artigo com algum tempo, mas considerando que só no segundo filho me publicitaram as papas caseiras estou a querer pesquisar e aprender como fazer porque sei serem a melhor opção para o meu bebé.
    Farei a papa com LA (embora amamente, não consigo reservar LM), e já percebi que à água, ao cereal e à fruta, deverei apenas adicionar o pó, respeitando a quantidade indicada para a idade dele e a quantidade de água, mas a minha dúvida prende-se com a quantidade de cereal! Quantas colheres de flocos de aveia ou farinha de aveia deverei incluir em 210 ml de água, por exemplo? O que é melhor opção: flocos ou farinha de aveia? Obrigada

  • Sandra Santos diz:

    Olá Rita!
    A quantidade de cereal deverá ser a ideal para que consiga a consistência de papa. Se ficar muito aguada tem que juntar mais farinha, se ficar muito grossa deverá juntar mais água. Vai ver que à medida que vai fazendo irá ajustando de modo a conseguir a consistência ideal.
    Beijinhos, Sandra

  • Inês diz:

    Olá Sandra!
    Tenho uma bebé com 5 meses que mama em LD mas baixou o percentil! A pediatra indicou que lhe desse papas não lácteas sem glúten, também é possível fazer caseira? Não queria dar já aquelas cheias de açúcar! Obrigada

  • Sandra Santos diz:

    Olá Inês!

    Neste caso em particular aconselho-a a marcar uma consulta.
    https://papinhasdaxica.pt/consultas-online/

    Beijinhos,
    Sandra

  • Karima diz:

    Olá sandra! Uso o seu livro como uma Bíblia da alimentação só meu bebé , mas sempre tive uma dúvida. Eu faço e congelo, neste caso quando é que adiciono a fórmula?

    Beijinhos

  • papinhasdaxica diz:

    Olá Karima,

    O ideal é: descongelar no frigorífico, seguidamente aquecer em banho-maria e no final acrescentar o leite do bebé.
    Beijinhos,
    Sandra

Deixe um comentário