Uma das coisas boas de acampar é o contacto com a natureza e um certo despojamento de tudo o que no nosso dia a dia damos como garantido e acabamos por nos tornar reféns. Contudo, confesso que já não sou uma adolescente e, quando uma pessoa já não vai para nova, um certo grau de conforto torna-se importante. Por isso, já há algum tempo que andava para experimentar este novo conceito: glamping, que é como quem diz, acampar com  muito glamour. Peguei na minha super diva e arrancámos para a Nazaré, mais propriamente para o parque de campismo Vale Paraíso – Natur Pak. Inserido na maior reserva de pinhal da Península Ibérica e com o mar em plano de fundo lá nos instalámos. A Francisca adorou o conceito, principalmente a cama de casal no andar superior que lhe fez lembrar uma casa na árvore. Estava decidido onde iria dormir nas próximas duas noites. A outra cama de casal no andar inferior e os beliches ficarão para futuras núpcias. O glamping tinha também uma casa de banho ótima e uma pequena cozinha melhor equipada do que a minha… Ups… Acabámos por não lhe dar muito uso porque como fomos poucos dias usufruímos das comodidades do parque, nomeadamente do restaurante, onde se comia bem e a preços acessíveis e claro está, fomos também descobrir os restaurantes da Nazaré, cujas iguarias de peixe são divinais e imperdíveis.

A Francisca ainda aproveitou para dar um mergulho na piscina dos pequeninos mas o tempo estava tudo menos convidativo neste verão mais manhoso de que há memória…

Mas o que ela mais gostou foi de poder saltar de glamping em glamping e fazer amigos: outras crianças que também estavam por lá a passar o fim-de-semana. Por coincidência uma amiga minha estava mesmo no glamping ao lado com os dois filhos, com idades similares à Francisca. Escusado será dizer que nunca mais os largou… Eu achei graça ao conceito meio de aldeia, de brincar fora da tenda e de liberdade: aquele bem maior que me define!

Posto isto, já tenho uma pontinha de inveja da vencedora do nosso passatempo que irá ter a oportunidade de viver uma experiência parecida. Terminado o suspense, a vencedora do nosso passatempo é…. (rufar de tambores por favor):

  • A vencedora é a Ana Santiago.

A todos os que participaram, não fiquem tristes porque podem obter 10% de desconto na vossa estadia bastando para isso que incluam o código PAPINHASDAXICA19 no ato da reserva!

(A vencedora 1 mês para reclamar o prémio, bastando para isso que envie um e-mail para: geral@papinhasdaxica.pt

Deixe um comentário